History

The third studies cycle in History aims to provide future PhDs with the skills to conduct research and its dissemination.

The PhD in History aims to provide students with theoretical, logical, epistemological and ontological knowledge, as well as research methodologies and techniques that will allow them to design and organize research questions, as well as assess scientific validity of hypotheses at empirical level in order to meet the demands of the scientific and academic community.

The PhD id History aims to foster students’ knowledge of research and production of high quality, innovative and socially interesting scientific work, namely, a thesis. Therefore, the several course units include research and critical analysis of reference scientific books and papers in order to train students to prepare and present their own research.

Meeting our objectives is evidenced in students’ skills in interpreting and critically thinking about the research conducted thus far, as well as in producing and validating theoretical perspectives and research questions and publicly presenting and discussing them before experts in the field.

    Plano Curricular

    - Professor Doutor José Amado Mendes

    Trabalho alicerçado em alguns suportes fundamentais. Na presente unidade curricular desenvolvem-se as seguintes competências, de modo a:

    • Aprofundar o estudo das várias concepções historiográficas ? incluindo as respectivas teoria e filosofia da história ?, não só as tradicionais, em geral melhor conhecidas, como as mais recentes: nova história económica, história cultural, regresso da narrativa, história virtual e história do presente;
    • Prestar especial atenção à temática, planificação e hipóteses de trabalho;
    • Explorar e criticar as fontes: escritas, orais, materiais, literárias, artísticas;
    • Recordar o papel da história serial, no âmbito da nova história;
    • Aprofundar a metodologia do tratamento das fontes e da elaboração do texto histórico;
    • Manusear, adequadamente, as referências bibliográficas e das fontes;
    • Aperfeiçoara o modo de ilustração: gráficos, quadros, imagens fotográficas, reprodução de documentos, etc.;
    • Cuidar da apresentação gráfica

    - Prof. Doutor Armando Luís de Carvalho Homem - Prof.ª Doutora Maria Helena da Cruz Coelho

    Cada aluno terá de se debruçar sobre um assunto de interesse histórico, de qualquer época e de qualquer tema (político, religioso, social, entre tantos outros) e apresentar um plano concreto, com objectivos específicos, de modo a poder desenvolver o trabalho por fases, não necessariamente seguidas, pois pode escrever o primeiro capítulo não em primeiro lugar, mas em todos os capítulos tem de haver uma harmonia e um seguimento de pensamento lógico.

    O plano deve ser apresentado de um modo sintético, mas perfeitamente elaborado de forma a ser, como já foi dito, perceptível sob todos os pontos de vista.

    - Prof. Doutor Nuno Gonçalo Monteiro

    A opção historiográfica escolhida para o seminário fundamenta-se na ideia de que os factos históricos resultam dos esquemas de interpretação teórica que, no caso do conhecimento do período moderno, confluem entre a filosofia, a sociologia, a história e o direito. Assim, os objectivos da unidade curricular são os seguintes:

    • Fornecer uma utensilagem conceptual adequada ao estudo da modernidade;
    • Articular essa bagagem conceptual com as linhas de orientação teórica dos seus autores de referência;
    • Aplicar esse conhecimento teórico para interpretar a «realidade» europeia no domínio político, social, cultural e das relações internacionais;
    • Conhecer as estruturas estruturantes dos sistemas políticos e sociais em Portugal entre a Restauração e o Liberalismo;
    • Interpretar a evolução e a ruptura dos modelos de governo e administração ;
    • Explicar e compreender a relação entre as invasões franceses e a emergência do liberalismo.

    - Prof. Doutor Adolfo Silveira

    • Definir o contexto das arqueo ciências na defesa e salvaguarda do Património Cultural
    • Fornecer recursos conceptuais necessários à intervenção arqueológica.
    • Caracterizar a natureza da intervenção arqueológica e a sua aplicabilidade
    • Descrever o processo de preparação de uma intervenção arqueológica.
    • Identificar e aplicar as diversas metodologias de intervenção arqueológica no campo, ao nível dos processos e estratégias.

    - Prof. Doutor Miguel Figueira de Faria

    O seminário procura situar o aluno na diversidade de especializações existentes no âmbito da disciplina de História de Arte, como pressuposto para o escrutínio da metodologia mais adequada ao projecto de investigação a desenvolver.

    O âmbito cronológico será delimitado entre o período final da Monarquia Absoluta à II República (1750-1974), elegendo como tema central as manifestações de Arte Pública, vista em contexto europeu, através de estudos de caso em ambiente de estabilidade e crise política, numa perspectiva pluridisciplinar.

    Procura-se suprir a lacunahistoriográfica existente, aberta na fronteira entre a História da Arquitectura e do Urbanismo, devendo o aluno ficar apto a uma leitura integrada da Arte Pública nos respectivos contextos, e habilitado ao reconhecimento dos aspectos mais específicos (artísticos e simbólicos) dos monumentos em análise.

    Procura-se criar competências para o desenvolvimento de estudos monográficos.

    - Professor Doutor José Amado Mendes

    • Aquisição de conhecimentos e competências sobre:
    • O que é uma tese de doutoramento;
    • Para que serve uma tese de doutoramento;
    • Como se faz uma tese de doutoramento;
    • Como fazer investigação;
    • Organização formal de uma tese de doutoramento;
    • Função do orientador;
    • Orientação conjunta e sua especificidade;
    • Apresentação e discussão pública da tese.